Sexta-feira, 21 de Agosto de 2009

Tudo acontece na nossa terra.

Acontecem coisas na nossa terra que bradam aos céus. Ao tempo que nós chegámos! Nem o dinheiro que temos numa conta à ordem podemos levantar. Um cliente de uma instituição bancária da nossa praça, instituição essa das mais fiáveis que temos no país. Negou a um seu cliente o levantamento imediato de dez mil euros que tinha na sua conta à ordem. Informando o cliente que só podia levantar passados oito dias. Ao que nós chegámos, nem o dinheiro que é nosso podemos levantar, quando precisamos. Se a instituição não tinha esse dinheiro e o cliente não tinha cheques, penso que havia uma solução. Será que a dita instituição não podia passar um cheque sobre o país? Não sei se é assim que se diz. A dita instituição fez o cliente passar uma vergonha desnecessária. Meus amigos isto leva-nos a pensar cada vez mais, que temos  de voltar aos tempos antigos. Guardar o dinheiro em casa, debaixo do colchão, ou em algum buraco, porque assim podemos dispor dele quando necessitamos. Salvo se formos assaltados. Mas dado o que se está a passar no nosso país com os bancos, também podemos vir a ficar sem ele.

Ó tempo volta para trás, para ver se temos melhores dias!

publicado por barroseira às 10:53